Colômbia: aplicativo para celulares convida a rezar pela paz

“Eu Rezo pela Paz” é o app que incentiva o fim da violência e da injustiça

Por Redacao

ROMA, 09 de Dezembro de 2013 (Zenit.org) – A Conferência Episcopal da Colômbia, com o apoio da Conferência dos Bispos dos Estados Unidos, desenvolveu o aplicativo para dispositivos móveis “Eu Rezo pela Paz”, iniciativa que incentiva a oração permanente pela paz no país. O app inclui canções, terço pela paz, uma novena, os tempos litúrgicos e uma mensagem do cardeal Rubén Salazar Gómez, arcebispo de Bogotá.

O cardeal convida todos os fiéis a baixarem o aplicativo “como um convite permanente para orar pela paz, para compreender a paz, para que a violência e a injustiça acabem na Colômbia”. Em conferência de imprensa, o purpurado apresentou o aplicativo que funciona nos sistemas operacionais Android, Windows Phone e iOS e que pode ser baixado nas respectivas lojas virtuais.

Salazar Gómez recordou que o conflito armado e todos os tipos de violência abalam crianças, jovens e famílias e encorajou os crentes a promoverem a paz como atitude interior de todos os cidadãos.

O episcopado pediu ainda que os fiéis e as pessoas de boa vontade participassem da campanha “Acenda uma velinha pela paz”, na vigília da solenidade da Imaculada Conceição, conhecida popularmente no país como a “Noite das Velinhas”, a fim de rezar pela reconciliação e pela paz na Colômbia.

O arcebispo de Bogotá fez referência também ao falecimento do líder sul-africano Nelson Mandela. “Ele nos deixa uma mensagem clara de que temos de respeitar a profunda dignidade de todos os seres humanos. Seu legado nos estimula a resolver os conflitos respeitando a todos”.

Salazar recordou que a paz na Colômbia exige vontade, gestos verdadeiros e o imediato fim da violência. Por isso, pediu que os pré-candidatos à presidência concentrem as suas propostas na paz e que a população entenda que a paz é um processo que inclui justiça, reparação, perdão e reconciliação.

Para saber mais sobre o app e sobre a iniciativa “Uma velinha pela paz”, acesse:

http://comunicacionespec.wix.com/advento2013

(Fonte: Agência Zenit)

Bento XVI dedica Jornada Mundial das Comunicações 2013 ao tema Redes Sociais

VATICANO, 29 Set. 12 / 03:24 pm (ACI/EWTN Noticias).- O Papa Bento XVI escolheu como tema para a 47ª Jornada Mundial das Comunicações Sociais, no contexto da celebração do Ano da Fé, às “Redes Sociais: portais de verdade e de fé; novos espaços para a evangelização”.

Esta reflexão responde a que um dos desafios atuais mais importantes é precisamente a evangelização em um ambiente cada vez mais digital, no qual se desenvolveram e adquiriram uma grande popularidade as redes sociais, impactando na comunicação e nas relações interpessoais.

As inquietudes expostas ante esta situação incluem se a tecnologia que pode ajudar aos homens a encontrar a Cristo na fé. A necessidade de apresentar o Evangelho como resposta perene à exigência humana de sentido e de fé, deve emergir e abrir-se caminho através de Internet.

A proposta é humanizar e vitalizar o mundo digital, para usar Internet não como um “meio” de evangelização, mas evangelizar tendo em conta que a vida do homem moderno também se expressa na rede.

A Jornada Mundial das Comunicações Sociais, a única estabelecida do Concílio Vaticano II, celebra-se anualmente no domingo anterior à festa do Pentecostes, que este ano será no dia 12 de maio de 2013.

A mensagem do Papa Bento XVI para esta jornada será publicada em 24 de janeiro, com ocasião da festa de São Francisco de Sales, patrono dos jornalistas.

Fonte: ACIDigital

Google anuncia fim do suporte para browsers antigos

Publicado em 

A luta pela descontinuidade das versões mais antigas dos browsers é algo que tem sido uma constante. As novas funcionalidades que têm aparecido nas novas versões não conseguem ser acompanhadas pelas versões mais antigas e as empresas com serviços na Internet vêem-se obrigadas a desenvolver para todas as versões dos browsers e para as diferentes tecnologias.

A Google, numa decisão que era até já esperada, anunciou agora que deixará de dar suporte para as versões mais antigas dos browsers presentes no mercado. A partir do dia 1 de Agosto apenas serão suportadas as versões mais actuais e a versão anterior.

 A medida da Google pretende ter de deixar de ter de desenvolver os seus serviços para um vasto grupo de browsers antigos e que não suportam funcionalidades que os mais modernos têm disponíveis.

É também uma forma que a Google encontrou de obrigar os utilizadores dos seus serviços a estarem com os seus browsers actualizados e sem problemas de segurança. Conseguem também que estes utilizadores tenham acesso às mais recentes funcionalidades que implementam nos seus serviços e que dependem de browsers actualizados.

Assim, e segundo o que foi anunciado no seu blogue, a Google deixará de suportar as versões mais antigas dos browsers que estão no mercado. Nessa data deixarão de ser suportados os browsers:

  • Firefox 3.5
  • Internet Explorer 7
  • Safari 3

Nessa data, os utilizadores que não actualizarem os seus browers vão começar a sentir problemas ao usar os seguintes serviços da Google:

  • Gmail
  • Google Calendar
  • Google Talk
  • Google Docs
  • Google Sites

Se insistirem em usar as versões mais antigas dos browsers, estes serviços deixarão de funcionar por completo. Esta medida será também ela aplicada ao Chrome, mas para já as versões disponíveis não apresentam qualquer problema.

A Google aconselha todos os utilizadores dos seus serviços a actualizarem os seus browsers com frequência, não apenas para terem acesso às mais recentes funcionalidades, mas também para estarem protegidos contra problemas de segurança que surgem.

Aproveitem e actualizem os vossos browsers:

Fonte: Pplware